Aquisição de dados para monitoramento de vibrações

Abaixo do vídeo, disponibilizamos as perguntas e respostas do webinar.

As perguntas feitas durante o webinar estão respondidas aqui!

Estive analisando o VibraOne, vi que ele possui 24 Entradas analógicas, estas entradas podem ser configuradas para qualquer sinal ou possui entradas pré configuradas, exemplo 5 IEPE, 5 4 a 20?


Podem ser configuradas em campo, canal a canal, por meio de chaves mini-dips na placa. Essa funcionalidade permite uma maior flexibilidade em campo, possibilitando a alteração ou ampliação do escopo de monitoramento com menor impacto. Desta forma, o usuário tem autonomia para realizar ajustes em campo, sem depender do fabricante.




No seu slide 36 no seu espectro apareceram algumas "bandas laterais". Gostaria de saber se isso é algo proveniente do processamento.

​Bandas laterais aparecem sempre que temos modulação do sinal, procede?


No contexto do slide, as bandas aparecem em função do processo de amostragem.

Quando temos uma modulação de sinais (detectado após a etapa de amostragem) elas aparecem também, mas em outro contexto. Na vibração, por exemplo, problemas em mancais de rolamento podem se manifestar em sinais modulados.




Qual o valor do VibraOne? Ele possui API para desenvolvimento de aplicação customizada?


Para orçamentos, favor escrever para sales@aqtech.com

Geralmente o VibraOne é fornecido dentro de um sistema de monitoramento como um todo.

Essa aplicação é customizada usina a usina, e geralmente comunicamos em protocolos padrão (Modbus, DNP ou ICE104, por exemplo.

Não possui uma API customizada para integração com outros software.




Os 32Gb de memória interna permitem armazenar quantos dias de aquisição de sinal?


Isso varia conforme a aplicação (todos os canais estão habilitados? Quais gatilhos configurados? O registro periódico está habilitado para qual frequência? Assim em diante.

Em aplicações comuns é possível que o hardware armazene até 2 meses de registros sem que circule dados. Geralmente na arquitetura da solução é previsto um servidor para armazenamento, o que amplia essa capacidade para até TeraBytes – Caso a comunicação com o servidor seja perdida temporariamente o hardware armazena esses registros e não se perde informações.




Como é feita a comunicação por software? Há compatibilidade com outros softwares de mercado?


A AQTech desenvolve toda plataforma de hardware e software, e essa integração é feita por meio de protocolos proprietários.

Há compatibilidade se esses softwares de terceiros comuniquem com algum protocolo industrial. Também é possível a exportação dos dados em padrão CSV, por exemplo. Para ter acesso a todas as ferramentas de análise, é necessário a utilização do software da AQTech.




A análise de vibração no eixo do hidrogerador com 2 acelerômetros em 90 graus precisa ter amostragem sincronizada ou pode ser sequencial?


Sim. A detecção de defeitos muitas vezes leva à análise de fase, por isso é importante o sincronismo entre canais.




Poderia falar um pouco mais sobre o armazenamento interno do VibraOne? O sistema armazena os sinais em caso de trigger por um evento de vibração anormal?


O VibraOne possui uma memória interna de 32Gb, sendo que para registro o disponível é cerca de 27Gb. Esse armazenamento pode ser utilizado para registros de tendências (valores globais), registros de eventos e registros detalhados engatilhados. Esses tópicos serão abordados no próximo Webinar.

Falando um pouco sobre registros engatilhados, é possível configurar o tipo de gatilho (nível de vibração, evento digital, periódico, etc) e o tempo de duração (antes e depois do gatilho), além das taxas de armazenamento para cada sinal. Por exemplo, é possível registrar as partidas/paradas das máquinas.




Você possui algum estudo de caso para exemplificar?


Teremos um webinar com alguns estudos de caso em breve.




O VibraOne permite exportar os sinais brutos para outro sistema através de interface de rede? Ou apenas ligando cada canal com cabos BNC?


Sim. É possível a exportação em CSV, por exemplo. Como dominamos toda a tecnologia envolvida, é possível o desenvolvimento de funcionalidades conforme a aplicação também.

Através das interfaces de rede, é possível enviar dados de vibração por meio de protocolos Modbus, DNP3 e IEC 104.

Com o uso do módulo de saídas bufferizadas é possível derivar o sinal proveniente dos sensores para integração a instrumentos que permitem realização de ensaios.




Qual é a importância da análise de vibração no domínio do tempo?


Para o diagnóstico de defeitos, o mais usual é a utilização do espectro de frequências.

Porém, observando o sinal no tempo é possível também retirar informações importantes. Os valores Globais, por exemplo, calculados com o sinal no tempo. A técnica de análise em envelope, em determinado momento também necessita do sinal no tempo.





Ficou com alguma dúvida? Fale conosco!

Entre em contato conosco para conhecer as soluções da AQTech e tirar as suas principais dúvidas!

2020 AQTech.

Todos os direitos reservados.​

logo_sgs_color.png